Home Destaque Febralot participa de audiência pública sobre convênios de energia elétrica
< Voltar

Febralot participa de audiência pública sobre convênios de energia elétrica

11/07/2018

Compartilhe

Além da diretoria da Febralot, dirigentes lotéricos dos Estados da Bahia, Ceará e Pernambuco estiveram presentes para acompanhar mais este tema que afeta as atividades da categoria

O presidente da Febralot, Jodismar Amaro foi convidado pelo deputado Jose Stédile (PSB-RS), presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados a participar da composição da mesa da audiência pública destinada a debater a “decisão tomada pela Caixa Econômica Federal (CEF) e pela Companhia Energética de Pernambuco (Celpe/Neoenergia) em não renovar o contrato anteriormente firmado, inviabilizando, assim, o pagamento das contas de energia por meio de casas lotéricas no Estado de Pernambuco”.

Além de Jodismar, outros membros da diretoria da Febralot e inúmeros lotéricos dos Estados da Bahia, Ceará e Pernambuco estiveram presentes para acompanhar mais este tema que afeta as atividades da Categoria.

As empresas de energia da região estão criando uma rede de recebimento de suas contas paralela às redes existentes (correspondentes bancários e casas lotéricas), que já conta com mais de 3 mil correspondentes. Estes profissionais, por sua vez, não seguem os padrões de segurança exigidos aos demais, não possuem as mesmas condições de trabalho e nem oferecem a mesma garantia e credibilidade ao consumidor. O que se espera com esta audiência pública é que todos os profissionais que atuem no mesmo segmento possam trabalhar nas mesmas condições e sob as mesmas exigências para que haja uma lealdade comercial sem prejuízo a ninguém.

Participaram dos debates a Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica – Abradee, a Aneel, a Caixa Econômica Federal e a FEBRALOT e os parlamentares citados abaixo que na oportunidade fizeram suas manifestações de apoio a rede lotérica e suas preocupações com o rumo destas operações pelo risco que corre a população ao efetuar seus pagamentos nestes pontos onde não há a menor estrutura de segurança bem como não há o menor respeito às leis de acessibilidade.

Participaram da audiência os deputados Jose Stédile (PSB-RS), Betinho Gomes (PSDB-PE), Goulart (PSD-SP), Daniel Coelho (PPS-PE), Chico Lopes (PCdoB-CE), Daniel Almeida (PC do B-BA), Odorico Monteiro (PSB-CE), Pompeo de Mattos (PDT-RS) e Rodrigo de Castro (PSDB-MG).

A FEBRALOT em seu pronunciamento afirmou que vai fiscalizar todas as empresas que estão prestando este serviço e exigir aos órgãos competentes que as mesmas tenham as mesmas condições que hoje possuem os revendedores lotéricos.

“Esperamos que deste encontro possam sair formas de um novo acordo entre a CEF é as concessionárias propiciando um atendimento de qualidade a população destes estados”, informa a FEBRALOT. Assista aqui ao vídeo da Audiência Pública na Câmara dos Deputados.

Leia também:

Procon cobra de lotéricas do Mato Grosso do Sul a distribuição de senhas e biombos nos guichês

Empresas do ramo não são mais consideradas apenas casas de jogos, mas postos de atendimento bancário

***

Lotéricas deixam de receber contas da Enel Distribuição Goiás

A medida é motivada pelo encerramento do contrato de arrecadação da Caixa com a Enel

***

Consumidores reclamam de grandes filas para pagar conta de luz após lotéricas deixarem de receber boleto da Coelba
Companhia informou que não renovou contrato com a Caixa Econômica Federal. Codecon e MP investigam os problemas para fazer pagamentos

***

Cemar (MA) esclarece sobre pagamento da conta de energia nas casas lotéricas
A Cemar informa que tem um contrato com a Caixa Econômica Federal com vigência até dezembro de 2018