Home Destaque Expansão do jogo nos Estados Unidos 2014: vencedores e vencidos
< Voltar

Expansão do jogo nos Estados Unidos 2014: vencedores e vencidos

10/11/2014

Compartilhe

Os eleitores de oito Estados da América foram às urnas nesta terça-feira(4) para decidir sobre a expansão do jogo de cassino. Em vários casos, os interesses de jogos estabelecidos despejaram milhões nos referendos realizados junto com as eleições. A indústria ganhou em Massachusetts, mas não em Rhode Island ou Colorado. Na Califórnia, as tribos com cassinos bloquearam uma tribo que queria se juntar a eles.

Califórnia

Os eleitores rejeitaram a Proposição 48, que teria permitido o empobrecido North Folk Rancheria of Mono Indians para construir um novo cassino em terra da tribo comprada perto de Madera, ao norte de Fresno. Outras tribos nativas americanas que já operam cassinos na Califórnia se opuseram à medida fortemente contra seus rivais. Eles argumentaram que se a Prop 48 fosse aprovada estabeleceria um mau precedente, permitindo que as tribos construíssem casinos fora das reservas.

Colorado

Os eleitores do Colorado rejeitaram categoricamente uma medida da cédula para adicionar cassinos às pistas de corrida em três condados. O Estado já tem três cassinos. Os opositores da medida haviam argumentado que novos racinos seriam apenas para tirar dinheiro das salas de jogos já existentes. A medida foi rejeitada por uma margem de 3 votos por 1.

Kansas

Os eleitores do Kansas aprovaram a permissão para que sejam realizadas rifas beneficentes sem fins lucrativos.

Massachusetts

Os eleitores de Massachusetts optaram por manter o jogo de cassino legalizado e os três cassinos que já estão na prancheta. Um deles, em Everett nos arredores de Boston, está sendo desenvolvido pelo magnata dos cassinos Steve Wynn. A medida foi vencedora apesar dos esforços vigorosos e do apoio de grupos como os Bispos da Igreja Católica. Se eles tivessem obtido sucesso, de acordo com a Associated Press, teria marcado “pela primeira vez – pelo menos desde a era moderna dos jogos de azar nos Estados Unidos, que começou em 1931 –, que um estado reverteria uma importante decisão legislativa de expansão do jogo”.

Rhode Island

Os eleitores de Rhode Island não conseguiram aprovar os jogos de mesa no Newport Grand Casino.

De acordo com o Jornal de Providence, em todo o estado, os eleitores concordaram em permitir que ele se torne um cassino de pleno direito, mas os eleitores locais bloquearam a medida. Rhode Island também aprovou uma medida que “dará aos eleitores locais a palavra final sobre a localização de um cassino” por 67% a 33%, informou o jornal.

Carolina do Sul

Os eleitores da Carolina do Sul aprovaram a permissão para que sejam realizadas rifas beneficentes sem fins lucrativos.

South Dakota

Os eleitores apoiaram a alteração Q, que autoriza o legislativo a permitir a roleta, keno e dados em casas de jogos em Deadwood.

Tennessee

Os eleitores concordaram que instituições de caridade mantenham as loterias anuais. As instituições de caridade em questão são os grupos veteranos que queriam manter os jogos. A medida ainda exige uma votação de dois terços pelo legislativo. (Com informações The Washington Post – Por Annys Shin)