Home Apostas Bruno Foster deixa o Main Event da WSOP em oitavo após dois níveis de blinds
< Voltar

Bruno Foster deixa o Main Event da WSOP em oitavo após dois níveis de blinds

11/11/2014

Compartilhe

O primeiro November Niner brasileiro, Bruno Foster, deixou o Main Event da WSOP (World Series of Poker) na oitava colocação na madrugada desta terça-feira (11) após uma briga difícil que durou dois níveis de blinds do dia.
Ao passar várias mãos short stacked, o jogador shovou e tomou call do norueguês Felix Stephensen, em uma mão de QT contra 77.
Como premiação, Fostera leva US$ 947.077 para casa.
Na mão que acabou com o sonho do Brasil, Foster apostou suas cerca de 8,1 milhões de fichas do botão, ainda no pré-flop. Após o fold de Billy Papas, o norueguês Felix Stephensen deu call. No showdown, Fostera mostrou QsTc, enquanto Stephensen colocou um par de 7 à mesa. Na dramática virada do bordo, o flop abriu com 2c6h3h, seguido de um Kc no turn e um 9h no river.
No começo do dia, quando os blinds ainda estavam a 200 mil/400 mil ante 50 mil, a Foster era o nono colocado da mesa, com de 12.125.000 fichas. Contudo, o sueco Martin Jacobson, que estava em oitavo, caiu para a lanterna após perder um pote para o espanhol Andoni Larrabe. Àquela altura, Foster acumulava mais de 15 milhões de fichas, enquanto Jacobson passou a ter com 12,6 milhões.
Fostera ainda chegou a ascender ao sétimo lugar, justamente em uma mão contra Jacobson, quando já com os blinds a 250 mil/500 mil ante 50 mil, ele 3-betou o sueco e aumentou seu stack para quase 16 milhões de fichas.
Do botão, Foster viu Jacobson abrir do cut off para 1 milhão de fichas e pensou um minuto para 3-betar o oponente. Jacobson foldou na hora.
Porém, pouco depois, em uma mão envolvendo Felix Stephensen e Willian Tonking, Foster perdeu algumas fichas e escorregou para 14,3 milhões de fichas. Ainda assim, mantinha sua colocação.
A primeira eliminação da mesa se deu pouco depois do 3-bet entre Foster e Jacobson, quando Mark Newhouse tomou call de Will Tonking para um all in. Foi a segunda vez seguida que o norte-americano caiu em nono colocado na mesa final do Main Event da WSOP.
Coletiva
Na coletiva dada à imprensa, Foster disse que não se arrepende de nenhuma jogada feita na mesa final – incluindo o fold de AJ diante de van Hoof feito após ser 3-betado pelo holandês.
– Faria tudo de novo.
O brasileiro também frisou que não jogou pelo dinheiro.
– Não estou aqui pelo dinheiro. Estou por isso aqui. Pela família e pelos amigos que eu tenho. (SuperPoker) Veja aqui a entrevista do Bruno Foster ao site da PokerNews.