Home Destaque Bolsonaro e Haddad se enfrentarão no segundo turno
< Voltar

Bolsonaro e Haddad se enfrentarão no segundo turno

08/10/2018

Compartilhe

Fernando Haddad, do PT, e Jair Bolsonaro, do PSL vão disputar o segundo turno das eleições presidenciais

A onda de apoios que impulsionou Jair Bolsonaro na última semana antes do primeiro turno espraiou-se, mas não foi suficiente para finalizar o jogo neste domingo (7). Ele tem 46,07% dos votos válidos, com 99,85% das urnas apuradas. Uma série de candidatos associados a seu nome nos estados teve desempenho superior ao que as pesquisas indicavam.

Já Fernando Haddad amealhou até agora 29,23% dos votos válidos, conquistando endosso significativo na região Nordeste, berço do homem que o colocou na corrida, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Será o sexto segundo turno em oito eleições presidenciais desde a redemocratização de 1985.

O vencedor governará o Brasil de 1º de janeiro 2019 a 31 de dezembro de 2022.

O resultado do primeiro turno quebrou a polarização entre PT e PSDB na eleição presidencial. Nas últimas seis eleições, os dois primeiros colocados foram dos dois partidos, com duas vitórias do PSDB (1994 e 1998) e quatro do PT (2002, 2006, 2010 e 2014).

Bolsonaro vence em 17 estados

Com quase 100% das urnas apuradas, Jair Bolsonaro (PSL) venceu em 17 estados e no DF e Fernando Haddad (PT), em 9. Nas capitais, o placar foi de 23 a 3.

Terceiro colocado na disputa nacional, Ciro Gomes (PDT) venceu apenas no Ceará e na sua capital, Fortaleza.

Na divisão por regiões, Bolsonaro venceu em todos os estados do Centro-Oeste, do Sudeste e do Sul, e em todas as capitais dessas três regiões, além de nas do Norte.

Já Haddad teve seu melhor desempenho no Nordeste, onde teve a maior parte dos votos em 8 dos 9 estados e em 3 das 9 capitais.